INÍCIO | MAPA DO LOCAL | INTRANET | CONTATO |

Top 5 da semana
Ocasiões visitadas: 39
Novena ao Amor Misericordioso
Ocasiões visitadas: 28
Filhos do Amor Misericordioso
Ocasiões visitadas: 19
São Benedito Cottolengo
Ocasiões visitadas: 16
Quem somos?
Ocasiões visitadas: 15
Via sacra

Início » VENERÁVEL MADRE ESPERANÇA » Sua Vida » Se foi num dia de neve


Se foi num dia de neve

Progressivamente seu físico foi caindo e sua mente também. Pela janela dos olhos podia-se ver que seu coração seguia ardendo até o final. Foi possível constatar então que realmente tinha sido e continuava sendo um extraordinário instrumento de transmissão de graças nas mãos do Senhor. Continuavam chegando a milhares os peregrinos já sem ordem de aviso, esperava com ilusão e paciência. Conformavam-se por vê-la um momento, escutar a sua voz sabendo que estava viva. Ao meio dia se aproximava um momento na janela, quando podia dirigia aos peregrinos brevíssimas palavras de saudação, de encorajamento e prometia orações.

A Madre transcorre os últimos anos de sua vida numa continua atitude de entrega. Diz que quer ser como uma batata que desaparece debaixo da terra para dar vida a novos filhos. Um dia de inverno quando a terra dorme na espera da Ressurreição o Bom Jesus que ela tinha roubado de pequena, veio também como ladrão em ponta de pé caminhando sobre a neve que cobre as doces colinas da Úmbria, e leva consigo o corpo cansado e gasto no serviço da misericórdia da sua Esperança: são às 8 horas do dia 8 de fevereiro de 1983.



Artigos relacionados da seção: Sua Vida:


Diferentes partes do Santuário
Diferentes partes do Santuário
 
Início | Mapa do local | Contato | Cadastro | Cadastro Vocacional Copyright ©2008- Família do Amor Misericordioso
eXTReMe Tracker